Sistemas de Arquivos

 

 

 

O Finder é o primeiro programa com o qual o usuário interage (depois do login), pois é ele quem gere o desktop e mostra os diferentes discos disponíveis. Trata-se de um programa como outro qualquer, e por isso pode ser fechado (terminado) (tem-se assim um desktop virgem) com a ajuda de uma pequena manipulação dos arquivos de configuração.

 

Contrariamente aos gerenciadores de arquivos encontrados em sistemas GNU/Linux ou Windows, o Finder não mostra nenhuma barra de endereços. No entanto, a gestão do drag-and-drop é presente na quase totalidade dos programas, o que torna inútil copiar os caminhos de acesso dos arquivos do explorador; encontra-se aqui completamente a filosofia da Apple e seu desejo de tornar as coisas mais simples e, ao mesmo tempo, garantir um produto funcional.

 

O Finder implementa ainda o motor de buscas Spotlight, graças a uma barra de busca integrada na janela, permitindo uma busca rápida de todos os tipos de documento em todos os discos a uma velocidade surpreendente.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: